terça-feira, 29 de setembro de 2009

Com vocês Diogo Mainardi


Gostaria trazer para os meus amigos e inimigos leitores um dos maiores jornalistas brasileiros estou me referindo ao grande Diogo Mainardi que é uma inspiração pra min. Diogo Briso Mainardi nacido em São Paulo no dia 22 de setembro de 1962 é um escritor, produtor, roteirista de cinema e colunista brasileiro. Nos últimos anos, tornou-se um conhecido nome no Brasil, principalmente devido à divulgação de sua coluna semanal na revista Veja, onde tece críticas à sociedade brasileira e às tendências políticas em geral. É um crítico constante do governo de Luiz Inácio Lula da Silva, sobre quem escreveu o livro LULA É MINHA ANTA, que reúne uma coletânea de crônicas sobre o escândalo do mensalão publicadas pelo autor na revista Veja, da qual é colunista. Antes de morar em Veneza, ingressou na London School of Economics, mas só concluiu o primeiro ano. Em 1980, na cidade de Londres, Inglaterra, conheceu Ivan Lessa, a quem considera, ao lado de Paulo Francis, seu mentor. Segundo o próprio Mainardi, ele abandonou os estudos universitários para poder ler os livros (principalmente Graham Greene) que Ivan Lessa lhe emprestava.Mudou-se, então, para a Itália, onde casou-se com uma italiana, com quem hoje tem dois filhos. O primeiro, devido a problemas no parto, sofre de paralisia cerebral, o que obrigou Mainardi a voltar a morar no Brasil, especificamente na cidade de Rio de Janeiro. Ainda em Veneza, ao trabalhar como colunista da Revista Veja, tornou-se um forte crítico do Brasil. Em sua coluna na Veja, Mainardi tece comentários polêmicos, na maior parte das vezes dirigidos ao Pratido dos Trabalhadotes.
estaremos lendo agora um dos melhores e mais polemicos artigos publicados por Mainardi na revista veja que tem o nome: “A voz do PT"   
                                                                                                        



A VOZ DO PT  
  
José Dirceu tem um blog. Quer saber quanto o iG gasta com ele? Eu também quero. Quer saber de quem é o dinheiro do iG? É seu, tonto! De quem mais poderia ser?
O iG pertence à Brasil Telecom. E a Brasil Telecom está na esfera dos fundos de pensão estatais. Eu já contei aqui na coluna como o lulismo tomou a Brasil Telecom de Daniel Dantas. Houve de tudo: financiamento ilegal de campanha, espionagem, chantagem, achaque e propina. Eu já contei também qual foi o papel de Lula na trama. Chega de me repetir. Quem quiser saber mais sobre o assunto, consulte o arquivo de VEJA. O que importa agora é como o iG está gastando seu dinheiro. E para onde ele está indo.
Luiz Gushiken é o ideólogo da propaganda lulista. Quando os fundos de pensão passaram a influir no iG, o portal se transformou na voz do PT. Caio Túlio Costa, aquele que Paulo Francis apelidou de "lagartixa pré-histórica", foi nomeado presidente do grupo em maio deste ano. De lá para cá, além de José Dirceu, foram contratados como comentaristas Franklin Martins, Paulo Henrique Amorim e Mino Carta. Todos eles na fase descendente de suas carreiras. Todos eles afinados com o DIP de Luiz Gushiken. Mais do que isso: Paulo Henrique Amorim e Mino Carta se engajaram pessoalmente na batalha comercial do lulismo contra Daniel Dantas. Quer saber quanto o iG paga a Franklin Martins? Entre 40 000 e 60.000 reais. Quer saber quanto ele paga pelo programa de Paulo Henrique Amorim? 80.000 reais.
O iG pode parecer pouca coisa. Mas é o terceiro maior portal do Brasil. Agora está pronto para difundir a propaganda do governo. O PT acaba de elaborar um documento em que pede uma "mudança nas leis para assegurar mais equilíbrio na cobertura da mídia eletrônica". Muita gente está alarmada com o documento. O temor é que, num segundo mandato, os lulistas atropelem as leis para tentar aumentar seu controle sobre a imprensa. O fato é que isso já aconteceu pelo menos uma vez neste mandato, quando a turma de Luiz Gushiken tomou de assalto o iG. O documento do PT fala em oferecer "incentivos econômicos para jornais e revistas independentes". Independente, para o PT, é José Dirceu. É Franklin Martins. É Paulo Henrique Amorim. É Mino Carta. É o assessor de imprensa de Delcídio Amaral, que tem um blog político no iG. Só falta o Luis Nassif. Essa é a turma que, segundo o PT, precisa de incentivos econômicos do Estado. Carta Capital sempre atacou Daniel Dantas. Acaba de ser recompensada por um acordo com o iG. De quanto? Eu quero saber.
Lula cantarolou a seguinte marchinha, como relatam os repórteres Eduardo Scolese e Leonencio Nossa no livro Viagens  com o Presidente:
"Ei, José Dirceu,
 devolve o dinheiro aí,
 o dinheiro não é seu"
 Lula conhece muito bem José Dirceu. Se diz que o dinheiro não é dele, é porque não é mesmo. Devolve o dinheiro aí, José Dirceu.

segunda-feira, 28 de setembro de 2009

Fiscalizando o que é infiscalizável


"O mal de quase todos nós é que preferimos ser arruinados pelo elogio a ser salvos pela crítica." (Norman Vincent)

Gostaria de começar este artigo com uma interpretação, muito feliz, do artigo V, inciso 9°, da Constituição de1988, sobre a liberdade de expressão: ”Todo ser humano tem o direito de liberdade de expressão, o direito de ter idéias e tem o direito de divulgá-las sob qualquer meio, sobre qualquer aspecto em equipamento impresso ou radiodifusão”
No último, sábado (19) no programa ”Diálogos”, apresentado pelo vereador Afonso Ferreira, na Rádio São Miguel FM estava presente o Secretário de Serviços Públicos, o senhor Geraldo Antônio da Silva, que durante todo o programa mostrava total falta de vontade, conhecimento e incompetência em relação a sua Secretaria. Tentava de forma sistemática enrolar os ouvintes do programa, principalmente na hora em que o secretario em questão afirmou que o código de postura do município estava sendo executado por ele e pela administração fraca do PT. Isto não é verdade! O código de postura do município existe e não é colocado em prática pelo Secretário de Serviços Públicos. O código de postura é a lei Nº 2.334 DE 28/12/90, que “institui as medidas de polícia administrativa a cargo do município e dá outras providências”.
Imediatamente liguei para rádio e coloquei o meu ponto de vista, ou seja, a minha opinião. O código de postura não é colocado em prática em nosso município por FALTA DE COMPETÊNCIA do senhor Geraldo Antonio, Secretário de Serviços Públicos, que, no meu modo de ver, é omisso e não tem coragem para autuar os infratores que desrespeitam este código .
Imediatamente o senhor Geraldo Antonio ficou muito abalado com minha declaração feita no ar, ou seja, na cara dele, e mostrou total descontrole emocional. Além de incompetente, o senhor Geraldo Antonio também mostrou que não tem preparo emocional para lidar com certas saias justas. No meu modo de ver não é nada de mais, pois ele, além de Secretário de Serviços Públicos, é meu funcionário. Quem paga o seu salário sou eu e toda a população de nosso município. Acho que eu não faltei com respeito ao senhor, simplesmente, falei uma verdade na sua cara. Estou acostumado a escrever aqui, nesta coluna, o mesmo que falei no programa, ou seja, se eu escrevo e assino em baixo, sem usar algum codinome, eu falo na cara e falo francamente, senhor Geraldo Antônio. O senhor é muito bem pago pelos cofres públicos e esperamos muito mais do que o senhor vem fazendo pelo nosso município.

Gostaria de explicar para o nobre secretário que a palavra incompetente, segundo o dicionário Aurélio, significa: Incompetente: falta de competência, inabilidade, inaptidão, é aquele que não é capaz. Senhor Geraldo, o senhor como Secretário de Serviços Públicos é um verdadeiro fracasso. O senhor, funcionário aposentado da Rede Ferroviária, deveria se dedicar a sua aposentadoria e escrever livros, como começou a fazê-lo. Quem sabe, o senhor serve para alguma coisa. Se eu fosse o prefeito municipal, em minha administração, nem de garçonzinho para servir café, o senhor teria lugar. Sua incompetência, além de ser algo notável por qualquer leigo na área administrativa, é mostrada pelas suas atitudes e proezas. Mostram total falta de controle emocional, como na época em que a Coletec foi fechada. O senhor falou uma borracha, o senhor falou na televisão: “ ... O aterro está pronto para receber todo o lixo do município” (lembra?). Eu não espero mais nada que venha do senhor, a não ser este orgulho irônico em ver a Coletec com as portas fechadas, o que é lamentável.
Quero explicar, senhor Geraldo Antonio o que significa a palavra opinião. Segundo o dicionário Aurélio: Opinião é a forma que cada um tem de expressar suas idéias. , Modo de ver, pensar, deliberar, parecer, conceito, princípio de idéias. Espero que o nobre secretário tenha entendido os significados das palavras mencionadas acima,.
Senhor Geraldo, gostaria de apresentar-lhe apenas uma proposta para algumas áreas que sua secretaria não coloca em prática. Na verdade, eu tenho projetos para todos os problemas que o senhor não consegue executar mais vou apresentar apenas uma. Afinal, o senhor me pediu e, quem sabe, o senhor a coloca em prática. Mas, devido ao seu orgulho, acho isto impossível! A minha proposta é simples: somente fazer o que o senhor não tem feito por isto as críticas. Comece a colocar o código de postura em prática na sua secretaria que o senhor vai ver como nossa cidade será uma cidade melhor para todos. Afinal, o código de postura do município não é nada mais nada menos que o próprio plano diretor, que ate hoje não foi elaborado. Como falei, o que falta é coragem e competência de sua parte, senhor secretário.
O senhor Geraldo Antônio também disse, no programa “Diálogos”, perguntado pelo vereador Afonso a respeito da última matéria publicada na Coluna Falando Francamente, com o título “Acúmulo de lixo no centro da cidade causa indignação em proprietária de loja”, que esta matéria foi CAPCIOSA , o mesmo que tendenciosa, e falou que se eu fosse um jornalista sério, eu o procuraria para que ele me explicasse a medida que a prefeitura estaria tomando em relação a esta lixeira no centro na cidade e que a minha matéria foi uma matéria maldosa.
O que eu quero dizer para o senhor secretário, em relação a seu comentário, é que o senhor não está me chamando de CAPCIOSO. Na verdade, o senhor está chamando a dona Heli Nassaralla, uma senhora muito séria e que merece não só o seu respeito, mas o respeito de toda população sandumonense. Senhor Geraldo, eu não o procurei para ouvi-lo, porque, se a dona Heli Nassaralla que o procurou por três vezes na prefeitura, não teve o problema do lixo no passeio resolvido, de que adiantaria eu o procurar? Quando o senhor tentou resolver, mandou um comunicado com o endereço da lixeira errado ( não é número 15 e sim número 38). Isto, senhor Geraldo, já mostra a sua incompetência e falta de vontade de fazer alguma coisa em relação a sua pasta para melhorar a nossa cidade. Acho que o senhor só sabe fazer uma coisa bem feita nesta administração: ir ao banco no fim do mês, buscar o seu salário. Isto, o senhor jamais esquece e, é sempre bom lembrar, é mais um salário jogado no lixo aquele que pagamos para o senhor. Lamentável!
Esta semana, em uma programa de televisão, o senador Aloísio Mercadante (PT) quando perguntado pelo repórter sobre o que ele achava quando a impressa o criticava, respondeu o seguinte: “ ... É papel e dever da imprensa fazer críticas não só a mim mas a todos os homens públicos, afinal, estamos sujeitos às críticas e elas são muito importantes para o desenvolvimento, não só de nosso país, mas de nosso estado e município, sempre resultando que é o povo que é responsável pelos nossos salários ...” Senhor Geraldo, espero que o senhor possa aprender alguma coisa com o senador Aloísio Mercadante em relação as críticas. Saiba que, sempre que o senhor precisar, o estarei criticando. Não tenho medo de ameaças, pois esta cretinice de processar já está caindo de moda. No mais, eu não tenho medo de processos.
Por falar em processos, o senhor falou que não pode fazer algumas coisas em nosso município porque lhe falta fiscais, não é isto? Bom, pode ser que não se tenha fiscais, mas, o chefe da fiscalização está lá fazendo o quê? Recebendo sem trabalhar? O senhor sabe muito bem a quem eu estou me referindo!

domingo, 27 de setembro de 2009

Ex-deputado do PDT Sebastião Helvécio tomou posse como Conselheiro do TCEMG

O médico e advogado e ex-deputado do PDT Sebastião Helvécio tomou posse no último dia 23 como Conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (TCEMG) em sessão solene realizada no Plenário. Ele foi o escolhido pela Assembléia Legislativa de Minas Gerais e nomeado pelo Governador Aécio Neves para substituir o Conselheiro Simão Pedro Toledo, falecido em 02/05/2009.
A solenidade foi dirigida pelo Conselheiro-Presidente Wanderley Ávila e contou também com a presença do Governador Aécio Neves. Ambos saudaram o empossado enaltecendo sua vida pública e suas realizações. O Governador destacou o TCE como "peça fundamental na boa gestão pública" e disse que "a presença de Sebastião Helvécio na Corte soma-se aos avanços que instituição vem tendo ao longo dos últimos anos. Queremos afirmar, cada vez mais, a independência e, principalmente, a nova visão de que a Corte é o instrumento auxiliar do Poder Legislativo
Fonte: www.tce.mg.gov.br

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Preço do açúcar pode subir mais 29% até final do ano

O preço do açúcar pode avançar mais 29% até o final do ano, devido à crescente demanda da Índia, maior consumidor da commodity do mundo, segundo o Banco Standard Chartered. De acordo com informações da Bloomberg, a seca na Índia e o excesso de chuvas no Brasil estão fazendo com que a expectativa de safra fique cada vez menor.

De acordo com John Reeve, diretor do setor de commodities agrícolas do Standard Chartered, existe uma grande chance de que as cotações de açúcar avancem mais 30 centavos de dólar. "Os indianos continuarão a consumir açúcar, não importa o preço que ele estiver".

O açúcar já avançou 96% este ano e é a terceira commodity com melhor desempenho nas bolsas. A estiagem quebrou a safra da Índia, aumentando as importações, enquanto as chuvas excessivas estão impedindo a colheita no Brasil, maior produtor de cana-de-açúcar do mundo. O açúcar já alcançou o melhor preço em 28 anos, de 24,85 centavos de dólar a libra-peso em Nova Iorque, no dia 1 de setembro.

O déficit global de abastecimento deve ser de 10,4 milhões de toneladas no ano comercial que se inicia este mês e de 8,4 milhões de toneladas no próximo ano, informou a Organização Internacional do Açúcar no dia 2 de setembro.

"O governo, em favor da população pobre da Índia, irá tentar garantir que haja açúcar disponível para todos", informou Reeve. A Índia deve dobrar a quantidade de açúcar vendido em leilões que começam no dia 1 de outubro, para aumentar o abastecimento, informou Alka Sirohi, secretário do governo.

PRODUÇÃO BRASILEIRA

A produção na região centro-oeste e sul do país, a área de maior produção de cana-de-açúcar do mundo, caiu 23%, para 1,85 milhões de toneladas, no período de 16 a 31 de agosto. No ano anterior, a produção para o período foi de 2,39 milhões de toneladas, depois que as chuvas impediram a colheita e abaixaram o índice de sacarina, informou o grupo Unica. Para este ano, a partir do final do mês passado, a produção de açúcar subiu 16% para 17,2 milhões de toneladas.

A produção de açúcar na Índia deve ser de 16 milhões de toneladas no ano comercial que começa em outubro, informou Alka Sirohi, baseando-se nas estimativas da indústria.

Ainda de acordo com a Bloomberg, o El Niño poderá atrasar as chuvas na Ásia, e deve alavancar os preços do óleo de palma para acima de 2.400 ringgit (US$ 690) a tonelada, já que a seca está quebrando as safras na Indonésia e na Malásia. Os dois países sul-asiáticos são responsáveis por 90% da produção global de óleo de palma.

Fonte:Associação dos produtores de açúcar do Brasil

domingo, 20 de setembro de 2009

SOS Calçadão da Antônio Ladeira

“Quando vou a um país, não examino se há boas leis, mas se as que lá existem são executadas, pois boas leis há por toda parte.”

(Do Espírito das Leis - Montesquieu )

O despreparo desta administração não se limita somente aos bairros de nossa cidade, carentes de obras e serviços públicos. Hoje este despreparo está estampado também no centro de nossa cidade, mais precisamente no calçadão da Rua Antonio Ladeira. Uma grande obra, realizada na administração do ex-prefeito Doutor Nogueira que, no meu ponto de vista e na opinião dos comerciantes de nosso município, ficou ótima, mas, infelizmente, está totalmente destruída por falta de competência desta administração, representada pelos senhores Geraldinho, Secretário de Serviços Públicos e Gilberto Alvim, Secretário de Obras.

Fazendo uma avaliação do calçadão da Rua Antonio Ladeira, o que vemos neste local é lamentável:
  • Um local que poderia e deveria ser referência em lazer de nosso município, está totalmente esburacado, com muito lixo e muita sujeira!
  • O piso está quebrado e com vários remendos feitos de qualquer jeito, em vários pontos do calçadão.
  • Os ambulantes fazem os canteiros de bancas para expor suas mercadorias.
  • Os canteiros estão com muito lixo e sem manutenção!
  • Até a placa com as informações da obra não está lá, somente o suporte se encontra totalmente abandonado em um canteiro que não tem uma manutenção há muito tempo.
  • Falta uma boa varrição no local, na parte da manhã e à tarde.
Em cidades como Barbacena e Juiz de Fora os calçadões recebem pelo menos de três a quarto limpezas por dia e mesmo assim não ficam limpos como deveriam. Imaginem um local onde circulam um número grande de pessoas receber duas varrições por dia: é muito pouco!

  • Catadores de material reciclável também cooperam para que o calçadão se transforme em um grande aterro sanitário.
  • Muito lixo espalhado.
  • Cachorros que apavoram senhoras, crianças e idosos que passam pelo calçadão, sem contar que espalharam urina e fezes pelos quatro cantos e a Prefeitura depois não limpa.
Certa vez, me disseram que outras prefeituras trazem estes cachorros para Santos Dumont na madrugada. Isto deve ser apurado e uma atitude em relação aos cachorros deve ser tomada. Não digo que temos de maltratar os cachorros,pois eu os adoro, mas eles devem ser retirados da rua e colocados em um local próprio para a adoção. Infelizmente, em nosso município, não temos um secretário de serviços públicos que tenha boa vontade para trabalhar em favor de sua cidade.

É lamentável saber que esta administração municipal não trabalha em favor de nossa cidade!

Hoje os bairros de nosso município estão necessitando de uma atenção especial e se este governo não tem competência para com o centro de nossa cidade, como o calçadão da Antonio Ladeira, com certeza os bairros vão continuar no caos da incompetência administrativa.

O calçadão da Antonio Ladeira está igual o distrito de Dores do Paraibuna: um buraco só! Acho que a Secretaria de Obras deveria jogar escória e passar o rolo compactador para tampar os buracos do calçadão.
  • Existe uma placa, muito mal colocada e em um local de pouca visibilidade, no inicio no calçadão, dizendo que é “proibido o trânsito de veículos e bicicletas”, mas infelizmente isto não acontece.
  • Pelo menos 2 vezes na semana, uma empresa de valores vai até a uma farmácia do calçadão com um carro forte para recolher os valores daquela empresa, cooperando e muito para que vários pisos do calçadão sejam quebrados.
  • Os ciclistas apressados chegam quase a levantar vôo no calçadão com suas bicicletas.
  • Quanto aos skatistas, se a tal pista estivesse pronta, eles com certeza não estariam andando no calçadão.
Esta administração deveria fiscalizar de uma forma mais rigorosa, pois há muitos funcionários contratados sem função na prefeitura e praticamente estão ganhando sem fazer nada. É muito cabide de emprego!
Poderiam fazer uma fiscalização no calçadão, junto com a Policia Militar. Fiscalizar os ciclistas e os skatistas. Fiscalizar os catadores de material reciclado. Fiscalizar os ambulantes que usam os canteiros do calçadão como banca para expor suas mercadorias.

É muito fácil transformar o calçadão em um local limpo e agradável: basta ter boa vontade pra que isto aconteça. E quando digo em fiscalizar, eu falo isto porque existe um decreto esquecido por esta administração. É o decreto lei 1562, de 23 de novembro de 2000, que regulamenta a lei 3276, de 7 de novembro de 2000:

“O Prefeito Municipal de Santos Dumont, Estado de Minas Gerais, no uso de suas atribuições e de conformidade com a Lei Orgânica Municipal, CONSIDERANDO o disposto pela Lei n. 3.276 de 07 de novembro de 2000, CONSIDERANDO as questões de interesse público sobre a matéria tratada na referida Lei, DECRETA:

Art. 1º - Fica normatizado o regulamento geral para utilização da ÁREA DE CALÇADÃO, nos limites da Rua Antônio Ladeira e esquina com Rua João Pessoa, que reger-se-á conforme disposto nos artigos seguintes:

Art. 2º - Na área do calçadão:
I – Serão proibidas as seguintes práticas/condutas:
a) o uso de patins, skate, roller skate, carrinho de rolamento e/ou patinete;
b) o trânsito de bicicleta, exceto quando conduzida a pé pelo proprietário;
c) o trânsito de triciclo, motoneta, motocicleta ou similares;
d) o trânsito de veículo automotivo;
e) a colocação e/ou permanência de bancas, malas, carros, feira, e/ou qualquer outro tipo de instalação própria de vendedor ambulante;
f) a prática de qualquer tipo de modalidade esportiva;
g) o trânsito de animais de médio e grande porte;
h) a fixação de cartazes, papéis, panfletos, faixas e/ou pinturas nos postes e/ou telefones públicos;
i) o lançamento de águas servidas e/ou pluviais a céu aberto;
j) a aplicação de quaisquer objetos móveis que possam empacar o trânsito de pedestres.

II – Serão permitidas as seguintes práticas/condutas, desde que:
a) carga e descarga de mercadorias e/ou produtos, desde que realizadas nas áreas destinadas a esse fim, bem como no horário fixado pela sinalização, salvo os casos tratados pelo parágrafo 1º deste inciso;
b) carga e descarga de mudança, desde que realizados nas áreas referidas no item “a”, fora do horário comercial, com a utilização de descarga manual ou por meio de carrinho de mão de forma a não agredir o piso;
c) o tráfego de veículos de tipo ambulância e/ou pequeno porte, desde que nos casos considerados de emergência;
d) a colocação de materiais de construção e/ou entulho de obra ensacado e/ou devidamente embalado, desde que retirados e/removidos nos mesmos dias;
e) a colocação de palco, aparatos para apresentações artísticas e/ou manifestações culturais que importem em ocupação de espaço físico considerável, desde que previamente autorizado pelo órgão municipal competente;
Parágrafo 1º - A carga e descarga de produtos do ramo do comércio de vidro poderá ser feita na porta da loja comercial, desde que realizada no horário matutino, com a devida sinalização de segurança.
Parágrafo 2º - Todas as entradas de veículos permitidas neste inciso serão feitas à partir da Rua Antônio Ladeira – parte baixa.

Art. 3º - Às infrações ao presente Decreto, aplicar-se-ão as sanções previstas no Código de Posturas do Município, sem prejuízo das providências de ordem policial.

Art. 4º - Revogadas todas as disposições em contrário, este Decreto entra em vigor na data de sua publicação. MANDO, portanto, a todas as autoridades a quem o presente Decreto pertencer, que cumpra e o façam cumprir, tão inteiramente como nele se contém.

Registre-se e Publique-se.

Dr. José Nogueira da Costa – Prefeito Municipal
Inácio Messias Crescêncio Barbosa – Secretário Municipal de Administração

Acho muito difícil esta administração tomar uma atitude, pois o que mais vemos neste governo são secretários despreparados para a função.

Se nenhuma providência for tomada, espero que os vereadores Afonso Ferreira, Cláudio Almeida e a vereadora Sandra Cabral , atuantes que são, tomem uma atitude perante o Ministério Púbico de nosso município!


domingo, 13 de setembro de 2009

A justiça tarda, mas, não há de falhar!

Vamos somente pegar um gancho no texto do colunista Márcio Queiroz (Q-Suco), veiculado na edição 1081 do JORNAL PANORAMA REGIONAL e fazer uma retrospectiva do ano de 2007, quando houve a denúncia sobre o mau uso da verba de subvenção da Liga de Desportos.

Obviamente o termo “mau uso”, depende do ponto de vista: para algumas pessoas pode ser um “bom uso”. Certamente, hoje, eles estão com medo da mão pesada da justiça, que em Santos Dumont não seria diferente. Ou alguém tem dúvida?

Gostaria de poder acelerar o tempo ou mesmo viajar, somente para dar uma espiadela no que se espera para a trupe, ou gang, que estava alojada na Liga de Desportos, nadando de braçadas naquela época ,para ver o resultado destas investigações que foram ordenadas pela honrada Promotora de Justiça, Dra. Rita de Cássia Gracioso Gama, em uma demonstração para muitos marmanjos desta terra de que não é preciso ser homem para ter coragem.

Mas, vamos voltar aos fatos que estão por vir: O Sr. José Carlos Tavares, que certamente tem o dedo ou a mão enfiada nesta cumbuca, deve estar apavorado e, mesmo assim, ainda não “largou o osso”. Só mudou de endereço na Prefeitura.

Os companheiros são unidos. Unidos ao ponto de envolver ou convencer outras pessoas a se lascarem por elas. O senhor Irany Rodrigues Leocádio terá realmente que dar nome aos bois, ou melhor, dar nomes aos ratos.

Pergunto eu:
  • O senhor Júnior Sebastião, que acredita poder comandar tudo e todos na prefeitura municipal com sua truculência, sua arrogância exagerada, vai sair em defesa do agora mais próximo da patota, o senhor José Carlos Tavares e tentar afrontar ou se sobrepor na marra, que é seu cartão de visitas, à Justiça?
  • O senhor Jose Carlos Tavares, que já esteve na mira da verdade e arrumaram um bode expiatório ou burro mesmo, que assumiu as emendas ou mesmo as prestações de contas mal engendradas pelos trapalhões, agora que a justiça está por vir e principalmente ser feita, os desportistas locais estão no aguardo de respostas concretas sobre o outro bicho desta história com “H maiúsculo”, certamente é o gato que ainda não havia sido lembrado, mas também não foi esquecido, é um bicho tão importante quanto astuto nesta trama de folhetim local.
Quem sabe, no decorrer das investigações sejam reconhecidos mais bichos nesta “festa ou farra” com dinheiro público? Certo é que ainda aparecerão outros exemplares, não raros, porém curiosos.

Vou finalizando por aqui e ainda empenho para todos os bichos espertos desta fauna local que: “A justiça tarda, mas, não há de falhar!”, parafraseando o senhor Márcio Queiroz (Q-Suco), que agora é o Vice-presidente da Liga de Desportos e com certeza não deixará colocarem panos quentes ou bandeiras vermelhas sobre esta enorme “cumbuca”, que coube muita verba e ainda tem a boca larga para caber muitos “cabeçudos” dentro dela.

Também faço um apelo aos cidadãos desta terra: fiquem alertas para tudo o que virem de errado e denunciem!

Para aqueles que estão na mira da justiça, só lamento.....

A justiça está a tua caça!

domingo, 6 de setembro de 2009

Meus inimigos estão no poder: eles querem meu sangue mas não vão ter!

Gostaria de iniciar este artigo com uma frase de um dos maiores poetas brasileiros. Estou me referindo ao imortal cazuza que, na canção Ideologia, disse: “Meus heróis morreram de overdose. Meus inimigos estão no poder. Ideologia: Eu quero uma pra viver”. Com estes trechos, eu escrevi o texto abaixo, com o nome: Meus inimigos estão no poder: eles querem meu sangue mais não vão ter, dirigido aos políticos de nosso país.

Em suas cabeças, os políticos imaginam-se autoridades, mas são insanos no poder cometendo atrocidades, promovendo o genocídio e a corrupção, celebrando a desgraça com o apoio da televisão.

O final do país que eles governam será idêntico ao daquele filme ,a revolução dos bichos. Os leitores o assistiram? Não? Então, assistam!

Roedores , comedores de lixo!!! há há há... Eu rio da suas caras ,eu tenho nojo da suas caras! Vocês são o pior pesadelo brasileiro, desde o último ao primeiro. Inverteram a ordem, trocaram a frase da bandeira para regresso e desordem . Traidores, patrocinadores do circo de horrores, vendidos, manipuladores, homens caluniadores, carrascos do seu próprio povo. Vocês me dão nojo, vocês me dão ânsia ! São ladrões, que furtam desde a infância. Cínicos, demônios, filhos de satanás ... Vocês trocaram Cristo por Barrabás. São como Judas, criatura ingrata, que vendeu Jesus por trinta moedas de prata.
O poder está nas mãos erradas, mãos de ladrões. Estas mãos devem ser cortadas, como no Oriente Médio! Se isto acontecesse aqui, nós iríamos ver muitos políticos sem as mãos.
O sangue dos justos será vingado, no dia do juízo. Ninguém será poupado. Os seus dias estão contados ,assim como Judas . Todos vocês serão enforcados e a revolta do povo está para acontecer. Acreditem, será o ódio de um país contra vocês.
Meus inimigos estão no poder no poder: eles querem meu sangue, mas não vão ter!

Não existe glória em nossa história, não tem vez o povo, que é visto como escória. Aqui não tem distribuição de renda ,o povo passa fome, mas os políticos, de não sei onde, têm fazendas às custas do desvio de verbas. Dane-se o Deputado, dane-se o Senador, dane-se o Vereador. Mesmo que queimem no fogo do inferno, não pagariam pelo seu mal . Justiça ? Não existe no seu vocabulário ...
Prova disso, é o sistema penitenciário, é a favela, é o movimento sem terra, é sua grana suja , é sua casa , é sua família , a faculdade cara da sua filha, suas férias no exterior. Vocês são como a praga do Egito: o gafanhoto devorador .
Que Deus nos ajude a viver num país sem plano de assistência saúde...
Para cada criança que morre, por descuido desses ignorantes, mil chicotadas deveriam ser dadas em cada um dos governantes .

Sumam da nossa frente, com seus palanques, microfones, alto- falantes!
Chega de mentir para os seus semelhantes!!!

Mão de ladrão tem que ser cortada!

Demagogos, para mim não valem nada. Meus inimigos estão no poder: querem meu sangue mas não vão ter!

O Presidente traidor que a gente tem, se vendeu ao opressor por um baixo preço. É traidor aquele que deixa o inimigo levar a riqueza do seu próprio berço. Graças a ele, o gringo vem aqui, monta empresas, escraviza mão de obra e o povo fica com o pior. Fica com as sobras.
É nojento ver certos políticos subirem no palco para falar de consciência e de luta, sendo que nos bastidores traem suas mulheres e filhos com prostitutas. Traem o nosso povo, mentindo. Se venderam pelo dinheiro, se venderam pela fama, pela grana mas estejam cientes: a Deus não se engana!

Meu inimigo está a mil, de BMW, com mansão confortável, prostituta do lado, horário reservado na TV e no rádio. Quem come lixo é presa fácil pois vai para a urna por um quilo de arroz. Pega fila no sol com título de eleitor na mão para colocar o ladrão na limusine cercado de batedores.
Este é o pais privatizado do plano real: com fome.
"Vota em mim, que tem comida", "Se o problema é água, eu trago o carro pipa", "Destruo seu barraco e te dou uma cobertura ". Estas são as promessas de campanha dos demônios engravatados.

A política moderna para mim é o ódio destinado a quem roubou meu voto. Meu voto conseguiu conta no exterior , filho na Disneylândia com Mickey e Pluto, gastar a propina do camelô no primeiro mundo.

Só a justiça de DEUS pode absolver os meus inimigos que estão no poder!


sexta-feira, 4 de setembro de 2009

O orgulho de ser brasileiro!

A Coluna Falando Francamente traz a opinião de uma escritora Holandesa Elizabeth Madeline, sobre o Brasil e os brasileiros que devem mudar a sua maneira de pensar.

“Os brasileiros acham que o mundo todo presta menos o Brasil, realmente parece que é um vício falar mal do Brasil. Todo lugar tem seus pontos positivos e negativos, mas no exterior eles maximizam os positivos, enquanto no Brasil se maximizam os negativos. Aqui na Holanda, os resultados das eleições demoram horrores porque não há nada automatizado. Só existe uma companhia telefônica e pasmem! Se você ligar reclamando do serviço corre o risco de ter seu telefone temporariamente desconectado. Nos Estados Unidos e na Europa, ninguém tem o hábito de enrolar o sanduíche em um guardanapo ou de lavar as mãos antes de comer. Nas padarias, feiras e açougues europeus, os atendentes recebem o dinheiro e com mesma mão suja entregam o pão ou a carne. Em Londres, existe um lugar famosíssimo que vende batatas fritas enroladas em folhas de jornal e tem fila na porta. Na Europa, não fumante é minoria. Se pedir mesa de não-fumante, o garçom ri na sua cara, porque não existe. Fumam até em elevador.
Em Paris, os garçons são conhecidos por seu mau humor e grosseria e qualquer garçom de botequim no Brasil podia ir pra lá dar aulas de ‘Como conquistar o cliente’. Você sabe como as grandes potências fazem para destruir um povo? Impõem suas crenças e cultura. Se você parar para observar, em todo filme dos EUA a bandeira nacional aparece, e geralmente na hora em que estamos emotivos.
Vocês têm uma língua que, apesar não se parecer quase nada com a língua portuguesa, é chamada de língua portuguesa, enquanto que as empresas de software a chamam de português brasileiro, porque não conseguem se comunicar com o seus usuários brasileiros através da língua portuguesa. Os brasileiros são vítimas de vários crimes contra a pátria, crenças, cultura, língua, etc.

Os brasileiros mais esclarecidos sabem que temos muitas razões para resgatar suas raízes culturais. Os dados são da Antropos Consulting:
1. O Brasil é o país que tem tido maior sucesso no combate à AIDS e de outras doenças sexualmente transmissíveis, e vem sendo exemplo mundial.
2. O Brasil é o único país do hemisfério sul que está participando do Projeto Genoma.
3. Numa pesquisa envolvendo 50 cidades de diversos países, a cidade do Rio de Janeiro foi considerada a mais solidária.
4. Nas eleições de 2000, o sistema do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) estava informatizado em todas as regiões do Brasil, com resultados em menos de 24 horas depois do início das apurações. O modelo chamou a atenção de uma das maiores potenciais mundiais: os Estados Unidos onde a apuração dos votos teve quer ser refeita várias vezes, atrasando o resultado e colocando em xeque a credibilidade do processo.
5. Mesmo sendo um país em desenvolvimento, os internautas brasileiros representam uma fatia de 40% do mercado na América Latina.
6. No Brasil, há 14 fábricas de veículos instalados e outras 4 se instalando, enquanto alguns países vizinhos não possuem nenhuma.
7. Das crianças e adolescentes entre 7 a 14 anos, 97,3% estão estudando.
8. O mercado de telefones celulares do Brasil é o segundo do mundo, com 650 mil novas habilitações a cada mês. Na telefonia fixa, o país ocupa a quinta posição em número de linhas instaladas.
10. Das empresas brasileiras, 6.890 possuem certificado de qualidade ISO-9000, maior número entre os países em desenvolvimento. No México, são apenas 300 empresas e 265 na Argentina. 11. O Brasil é o segundo maior mercado de jatos e helicópteros executivos.

Por que vocês têm esse vício de só falar mal do Brasil?
1. Porque não se orgulham em dizer que o mercado editorial de livros é maior do que o da Itália, com mais de 50 mil títulos novos a cada ano?
2. Que têm o mais moderno sistema bancário do planeta?
3. Que suas agências de publicidade ganham os melhores e maiores prêmios mundiais?
4. Por que não falam que são o país mais empreendedor do mundo e que mais de 70% dos brasileiros pobres e ricos, dedicam considerável parte de seu tempo em trabalhos voluntários?
5. Por que não dizem que é hoje a terceira maior democracia do mundo?
6. Que apesar de todas as mazelas, o Congresso está punindo seus próprios membros, o que raramente ocorre em outros países ditos civilizados?
7. Por que não se lembram que o povo brasileiro, que se esforça para falar a língua dos turistas, gesticula e não mede esforços para atendê-los bem? Por que não se orgulham de ser um povo que faz piada da própria desgraça e que enfrenta os desgostos sambando.

O Brasil é um país abençoado de fato. Bendito este povo, que possui a magia de unir todas as raças, de todos os credos. Bendito este povo, que oferece todos os tipos de climas para contentar toda gente. Bendita seja querida pátria chamada Brasil!”